Cadeia muita (AUDIC MOTA DIZ QUE PEC DA NÃO ANISTIA A PMs IMPEDIRÁ CHANTAGEM AO GOVERNO E SUCESSÃO DE CRIMES DO MOTIM PODE LEVAR ATÉ 50 ANOS DE PRISÃO)


O deputado Audic Mota (PSB) alertou, em aparte a pronunciamento do deputado Júlio César (PDT), para a necessidade urgente de restabelecimento da segurança pública do Estado, conforme o preceituado pelos paradigmas constitucionais que regem o estado democrático de direito.

O parlamentar classificou como absurda a sucessão de crimes praticados por PMs amotinados e em posse de quartéis da corporação. Atitudes que, segundo ele, devem ser punidas e reprimidas, podendo resultar em penas de até 50 anos de prisão, observado o Código Penal Militar.

Audic Mota, também, acrescentou que a atual Proposta de Emenda Constitucional (PEC), enviada pelo governador Camilo Santa para vedar qualquer possibilidade de perdão ou anistia aos policiais militares em greve, tem a virtude de tirar o Estado da situação de chantagem na mesa de negociações pelo fim do movimento.

Um comentário: